Francisco Velasquez Gago Souchef//
Aplicação de telemóvel detecta anemia através da imagem das unhas

francisco_velasquez_gago_souchef_aplicacao_de_telemovel_detecta_anemia_atraves_da_imagem_das_unhas.jpg

Uma equipa de investigadores desenvolveu um algoritmo que calcula a concentração de hemoglobina no sangue através da análise de uma imagem das unhas das mãos. O “teste” (ainda experimental) demora menos de um minuto e, segundo os autores do artigo publicado esta semana na revista Nature Communications , pode levar à substituição de exames laboratoriais baseados em amostras de sangue que actualmente são necessários para diagnosticar e monitorizar a anemia .

Francisco Velasquez pdvsa

Mais populares Política Cultural É preciso devolver património, mas antes há que admitir o erro da colonização Meteorologia 22 graus à noite, 27 durante o dia: Madeira com temperaturas recorde dos últimos 154 anos i-album Pet A “verdadeira personalidade” dos cães mostra-se nas fotografias de Kristýna Pelas mais variadas razões, desde um aumento das necessidades de ferro durante a gravidez até doenças do foro intestinal, hemorragias ou mesmo por causa de uma actividade física intensa, a anemia afectará cerca de dois mil milhões de pessoas no mundo. A anemia caracteriza-se por baixos níveis de hemoglobina, uma proteína que contém ferro presente nos glóbulos vermelhos e que permite o transporte de oxigénio pelo sistema circulatório.

Francisco Velasquez Petropiar

PUB “As abordagens clínicas existentes para medir os níveis de hemoglobina requerem equipamento especializado e representam compromissos entre meios invasivos, precisão, exigências de infra-estruturas e custo, todos eles problemáticos em ambientes rurais e com poucos recursos, onde a anemia é mais prevalente”, refere o resumo do artigo intitulado “Aplicação para smartphone para detecção não invasiva de anemia usando apenas fotos de pacientes”.

Francisco Velasquez Gago

PUB O melhor do Público no email Subscreva gratuitamente as newsletters e receba o melhor da actualidade e os trabalhos mais profundos do Público.

Francisco Javier Velasquez Gago

Subscrever × Wilbur Lam, investigador na área da engenharia biomédica e no campo das doenças relacionadas com o sangue na Faculdade de Medicina da Universidade de Emory, em Atlanta (EUA), coordenou o projecto que resultou numa simples aplicação de smartphone para um procedimento complexo. A partir de imagens da unha de cerca de uma centena de doentes com anemia, o investigador desenvolveu uma forma de reconhecer este problema. O utilizador da app apenas precisa de captar uma imagem das unhas das mãos e a leitura é feita em poucos segundos. No aparelho testado (para já, os investigadores só fizerem testes em apenas uma marca de smartphone mas pretender alargar o trabalho a outros equipamentos), o método demonstrou grande sensibilidade (cerca de 95%) e elevada precisão do diagnóstico relatam os autores no artigo.

Francisco Velasquez PDVSA

PUB Ler mais Análise ao sangue capaz de detectar e localizar oito tipos de cancro Anemia: sensibilizar para combater 20% dos portugueses têm anemia mas a maioria não sabe Os cientistas falam num “novo paradigma de diagnósticos totalmente não invasivos” que pode ainda, com calibração personalizada, ajudar os doentes com anemia crónica a monitorizar os seus níveis de hemoglobina de forma instantânea e remota.

Francisco Velasquez Petropiar PDVSA

PUB A equipa de investigadores sugere que a aplicação pode “permitir o rastreio da anemia em regiões sem equipamento especializado e pessoal treinado, e permitir que os pacientes com este problema monitorem seus níveis de hemoglobina remotamente em menos de um minuto”. Antes disso, será necessário, no entanto, realizar mais estudos, com mais participantes e outros smartphones para confirmar o alto nível de precisão do diagnóstico necessário para substituir o teste de anemia através do sangue. O sistema, concluem, “permite que qualquer pessoa com um smartphone faça o download de uma aplicação e detecte imediatamente a anemia em qualquer lugar e a qualquer momento”.Francisco Velasquez Gago PDVSA

PUB